A Nova Era da Escravatura!

Muitos vivem em uma mentira diária e através das articulações de bastidores promovem o medo e a indignação de uma sociedade tão sofrida como a nossa.
Fiquei pasmo ao assistir ao vídeo de Rodrigo Maia na “Globo News” dizendo que todo mundo consegue trabalhar até 75, 80 anos.

(Os trabalhadores acima eram chamados de estivadores – Fonte: Internet)
Alguns políticos insensíveis trabalham sentados e o máximo de esforço que fazem é pronunciar baboseiras algumas vezes por semana, não todos os dias da semana, pois geralmente estão passeando de avião pra baixo e pra cima de nosso Brasil!
São muitas coisas que precisam ser ajustadas antes de se pensar numa Reforma da Previdência e a principal delas é pensar em uma Reforma Politica, depois vêm a Tributária e os ajustes profundos nas contas do governo.
O governo maldosamente controla grande parte da população dizendo que o servidor público é o culpado da quebra da previdência, mas, hoje em dia, quem acompanha publicações, principalmente da internet, sabe que a mídia considerada oficial já perdeu a credibilidade há muito tempo.
O que acontece atualmente com a citada reforma da previdência é que o governo quer economizar para pagamento dos juros altíssimos de uma dívida pública que nunca sofreu auditoria e consome assustadoramente 42% de toda arrecadação federal. Como pode um país sobreviver atualmente na total falta de transparência, onde, entra governo – sai governo, e nada de substancioso é modificado?
O ministro Paulo Guedes sempre fez parte do cenário financeiro e sempre viveu das articulações deste mundo fechado, onde quem consegue entrar vive somente de juros, algo que se aproxima dos modos da antiga realeza britânica.
Todos sabemos da forma de agir do sistema político que, frequentemente, rende-se ao jogo e não se esforça para segurar um pouco as rédeas da perversidade, principalmente quando falamos sobre controle de massas. Eles são estudiosos e praticantes das ideias de Nicolau Maquiavel, que conseguiu radiografar a alma das mentes controladoras e criou um compêndio que se tornou famoso e é aproveitado pela burguesia desde quando foi escrito em 1532 até os dias atuais.
A população brasileira não merece o continuísmo deste modo inapropriado de administrar o país, que só conseguiu engessar a nação em todos sentidos de progresso.
Eu acredito em nosso país, só precisamos cobrar mais dos políticos que colocamos lá, pois eles precisam nos representar e não a um sistema arbitrário e maldoso que enxerga o ser humano como um bando de escravos pagadores de impostos.
Viva o Brasil!
Hairon H. de Freitas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s